Lágrimas de Diamante


Cristina Leal
——————-

Olhando agora minhas mãos vazias
Observo o que perdi
Fecho os olhos pra não ver
Mas meus sentimentos tão presentes
Me fazem chorar…
Lamento o que poderia ter sido
E imploro para que
O corpo adormeça logo e que
O amanhã traga paz ao meu coração.

—————————————————————————
# Nesta noite a Menina Zumbi descobriu
# Que ainda sabia chorar…
# A pele de seu rosto estava muito quente e vermelha
# E as lágrimas que escorriam e arranhavam sua face,
# Eram lágrimas de diamante…
# Ela tentou em vão contê-las,
# Machucou seus dedos, mas não pode pará-las
# Os pequenos diamantes que caiam
# Dos olhos da Menina,
# Ao tocarem a água transformavam-se
# Em milhares de cores acinzentadas…
# Ela escondeu o rosto em suas mãos
# E chorou mais…
# E tanto…

——————————————————————————————————–
# Melhor ler ouvindo Jacqueline DuPré interpretando
# O 1º Movimento do Concerto para Cello de Edgar Elgar…

Anúncios

2 pensamentos sobre “Lágrimas de Diamante

  1. Grobsch disse:

    Sua outra casa… kkk.. Tomara que o Vitor nunca feche o doode…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s